CRCPI discute criação de Fórum Municipal das Micro e Pequenas Empresas em reunião

As micro e pequenas empresas representam mais de 90% das empresas no Brasil e 60% da carga tributária e da geração de emprego e renda. Com o objetivo de discutir o desenvolvimento dessas empresas nos municípios, o Fórum Regional Permanente das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte se reuniu, nesta terça-feira (11), no auditório da Federação das Indústrias do Piauí (FIEPI).

Dentre as pautas da reunião, foi tratada a criação do Fórum Municipal das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte, organização que atuaria na orientação dos pequenos empreendedores nos municípios do Piauí.

“Com a criação desse Fórum Municipal será mais fácil identificar os problemas dos pequenos empreendedores; daquele empreendedor de bairro, que tem um mercadinho; de uma costureira que tem uma grande produção e do empreendedor individual”, explica Olga Sousa, superintendente da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico (SEDET).

Segundo José Corsino, conselheiro do Conselho Regional de Contabilidade (CRC-PI), a orientação contábil é muito importante para o micro e pequeno empreendedor.

“O setor, hoje, representa o maior número de empresas no Brasil, devendo ser, portanto, muito bem orientado quanto às questões tributárias e econômicas, visto que precisa se manter equilibrado no mercado. Nesse sentido, os contabilistas possuem um papel fundamental no aconselhamento dos empresários e o CRC na colaboração para o crescimento dessas empresas”, frisa José Corsino.