Caras colegas contadoras e caros colegas contadores, estamos passando por um momento extremamente delicado no com a pandemia do Covid-19, o coronavírus.

A orientação das autoridades de saúde é para que a população fique em casa, exceto os serviços básicos e emergenciais.

Com muitas empresas fechadas e outras com demanda bem abaixo do normal, já se instala uma crise econômica e, além da saúde da população, surge outra preocupação: a saúde das empresas, e, consequentemente, da economia brasileira.

Sabemos que os profissionais da contabilidade possuem papel fundamental na assessoria e consultoria que prestam aos seus clientes, na tomada de decisões, nas projeções econômicas, e, principalmente, nas prestações de contas. São inúmeras atribuições e muita responsabilidade.

O Sistema CFC/CRCs está preocupado com a situação dos nossos profissionais e vem atuando para contribuir com ações que minimizem os impactos negativos no exercício da profissão nesse cenário caótico.

Diante desta realidade, o CRCAL somou forças, buscou seus parceiros e solicitou uma série de medidas à Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz/AL) e à Secretaria de Economia de Maceió (Semec). Por meio de seus secretários, George Santoro e Fellipe Mamede, respectivamente, a grande parte do pleito do nosso regional foi atendida.

Estamos atentos e abertos aos anseios da classe contábil alagoana. Se necessário for, iremos enviar novas solicitações aos órgãos públicos com o objetivo de tornar viável a atuação dos nossos profissionais para que eles tenham condições de cumprir suas tarefas em meio à esta pandemia do covid-19.

O Sistema CFC/CRCs vem enviando ofícios aos órgãos também em nível nacional, a exemplo da Receita Federal, para que outros prazos sejam prorrogados. Há uma expectativa muito grande para que a receita atenda às solicitações da classe contábil. Estamos aguardando uma resposta positiva para a nossa categoria, certos da nossa força e importância e do reconhecimento desta relevância por parte dos órgãos públicos.

Estamos empenhados, lutando, para que os nossos profissionais contábeis não sejam prejudicados neste momento. Não mediremos esforços para preservar a nossa classe.

Seja em home office ou presencialmente, os contadores são essenciais para o bom funcionamento das empresas e, portanto, para o crescimento da economia.

Neste momento tão difícil, mais do que nunca, peço que contem com o CRCAL. Estamos trabalhando dia e noite, incansavelmente, para abraçar, mesmo que na atual realidade simbolicamente, já que é preciso manter distanciamento social, cada profissional de forma calorosa.

Vamos cuidar da nossa saúde física, psicológica e superar esta crise. Temos a certeza de que dias melhores virão. Sairemos desta com mais experiência, sabedoria e serenidade. Iremos, com as bênçãos de Deus, dar adeus à crise e boas-vindas à bonança, em breve.

Só que antes disso, precisamos ter forças, estar unidos e dar o nosso melhor. O CRCAL é a sua casa, contador. Nossos conselheiros formam a grande família do Sistema CFC/CRCs que, em seu juramento, se comprometeu a lutar pela nossa profissão.

Não iremos abrir mão deste compromisso. Honraremos com a nossa missão. O momento é desafiador, mas confio plenamente na nossa capacidade de fazer da crise uma oportunidade de enaltecer o perfil dinâmico, proativo, tecnológico e inovador do profissional contábil.

Essencial na bonança, essencial em tempos de crise, essencial em todos os momentos. Assim, é o profissional da contabilidade. Vamos juntos superar esta crise.

José Vieira dos Santos – Presidente do CRCAL.

CLOSE
CLOSE