Notícias

Contabilidade brasileira em destaque: CFC recebe visitas de delegações internacionais

By 16/10/2015outubro 2nd, 2018No Comments

O Conselho Federal de Contabilidade (CFC) recebeu, nos dias 14 e 15, uma delegação do Instituto Nacional de Contadores Públicos da Colômbia (INCP). O grupo veio conhecer de perto o funcionamento do CFC e descobrir pontes para aproximação entre as duas instituições. Em julho, o Conselho recebeu representantes da Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas de Portugal (Otoc) e, ainda em outubro, receberá um grupo da Ordem dos Contabilistas e Auditores de Moçambique (Ocam).

site

Na Colômbia existem 180 mil profissionais da contabilidade, que são chamados contadores públicos, e cerca de 10 agremiações da área. O Inpc é a mais representativa delas, com cerca de 18 mil profissionais associados. “Não há uma cultura de agremiações, na Colômbia, mas estamos trabalhando para atrair mais pessoas para nossa entidade e, para isso, gostaríamos de entender como o CFC atua aqui no Brasil”, conta o diretor executivo da Incp, Juan Miguel Vásquez.

A estrutura das profissões regulamentadas, na Colômbia, é muito distinta da brasileira. Lá o registro profissional é emitido pelo governo, que também tem a prerrogativa da emissão das normas e da fiscalização profissional. O Inpc funciona como um órgão consultivo e é o responsável por levar, ao órgão governamental responsável pelo processo de convergência, as normas de contabilidade emitidas pelas diversas entidades internacionais ao País.

As diferenças observadas entre as instituições e as formas de organização profissional foram comentadas pelo vice-presidente de Desenvolvimento Profissional e Institucional do CFC, Zulmir Breda. “O fato de termos modelos institucionais tão distintos facilita a troca de experiências, se fossem parecidos, a possibilidade de intercâmbio seria menor”.

Na quarta-feira (14), a comitiva conheceu a estrutura física, os principais projetos e a política de relacionamento institucional do CFC; recebeu informações a respeito do panorama atual da profissão contábil no Brasil e do ensino de Ciências Contábeis; assistiu à apresentação sobre o Exame de Suficiência, sobre como o registro profissional é obtido e sobre as iniciativas de aperfeiçoamento profissional, por meio do Programa de Educação Profissional Continuada.  Na quinta-feira (15), foram apresentadas as publicações do Conselho, a experiência com a criação do Exame de Qualificação técnica (EQT) e do Cadastro Nacional de Auditores Independentes (Cnai), a atuação da área de Fiscalização e a da Técnica e, ainda, foram discutidas possibilidades de cooperação entre o CFC e o Inpc.

Com o mesmo objetivo, a delegação de Moçambique estará no CFC durante a semana que vem. “É saudável que entidades com finalidades comuns busquem se aproximar para trocar experiências e fortalecer a contabilidade de seus países. Isto mostra como o CFC vem se destacando na regulação da profissão e está sendo, por isso, reconhecido internacionalmente”, conta o vice-presidente Zulmir Breda. O grupo da Ocam estará no conselho nos dias 19 e 20 de outubro.