Notícias

CVM divulga estudo sobre os programas Revisão pelos Pares e Educação Continuada

Por Maristela Girotto
Comunicação CFC

Os programas de Revisão Externa de Qualidade pelos Pares e o de Educação Profissional Continuada (EPC), mantidos pelo Conselho Federal de Contabilidade (CFC), foram objetos de um estudo desenvolvido pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM). Divulgado no dia 31 de maio, o trabalho “apresenta a evolução da atividade de auditoria independente no Brasil e dos aspectos normativos, dando enfoque nos programas de Educação Continuada e na Revisão pelos Pares, tanto no contexto nacional quanto internacional”.

De acordo com o estudo “Uma análise do mercado de auditoria e dos programas de Revisão pelos Pares e Educação Continuada no âmbito do mercado de valores mobiliários brasileiro”, a atividade de auditoria independente exerce um papel importante no funcionamento do mercado de capitais, contribuindo para maior confiabilidade e credibilidade das informações.

A partir de recomendação da Controladoria-Geral da União (CGU), a CVM fez o estudo “para avaliar o impacto das suas normas na concentração do mercado de auditoria independente, em especial no que diz respeito à submissão dos auditores independentes ao Programa Profissional de Educação Continuada e ao Programa de Revisão Externa de Qualidade pelos Pares”.

Além disso, a autarquia realizou, em 2020, uma pesquisa com 167 auditores independentes, com a finalidade de levantar a percepção dos profissionais em relação aos programas exigidos pela Instrução CVM 308 (revogada pela Resolução CVM nº 23, de 25 de fevereiro de 2021).

Para saber mais sobre o estudo e a pesquisa realizada pela CVM, clique em Estudo.

CLOSE
CLOSE