Notícias

Dia da Mulher é comemorado pela Ifac, em artigo, com a participação do CFC

Por Maristela Girotto, com informações da IFAC

Para marcar o Dia Internacional da Mulher (8/3), a Federação Internacional de Contadores (Ifac, na sigla em inglês) publicou, em seu site, o artigo “Rumo à Igualdade de Gênero: Contabilizando a Mudança”. Três organizações internacionais, membros da Ifac, foram escolhidas para participar do artigo e falar a respeito do trabalho que realizam em benefício da igualdade de gênero na contabilidade: o Conselho Federal de Contabilidade (CFC), o American Institute of Certified Public Accountants (AICPA) e a Association of Chartered Certified Accountants (ACCA) do Reino Unido.

“Embora você saiba que a diversidade de gênero é importante do ponto de vista social, também é fundamental para o sucesso dos negócios. De acordo com a Harvard Business Review, a diversidade de gênero leva as empresas a serem mais produtivas, medindo-se pelo valor de mercado e pela receita. Além disso, uma força de trabalho diversificada é melhor para atrair talentos, incentivar a inovação e sinalizar competência para os investidores”, afirma o artigo da Ifac, acrescentando números comparativos dos Estados Unidos, do Reino Unidos e do Brasil, em relação à participação feminina nos cargos de lideranças de empresas.

A Ifac destaca que vai continuar defendendo a paridade de gênero nas funções de contabilidade, finanças e liderança de negócios, além de incentivar as organizações membros a defenderem a diversidade e a igualdade de gênero. “Muitas de nossas organizações membros elevam o padrão de qualidade ao liderar iniciativas de diversidade bem-sucedidas”, continua o texto. Em seguida, o artigo traz informações das três organizações.

Conheça o trecho que cita o Conselho Federal de Contabilidade:

CFC: Definir metas de gênero ajuda no progresso

Há mais de 20 anos, o Conselho Federal de Contabilidade (CFC) no Brasil assinou um compromisso com a equidade de gênero na profissão, para incentivar uma maior participação feminina. O CFC, em colaboração com seus 27 Conselhos Regionais de Contabilidade (CRCs), criou a Comissão Nacional da Mulher Contabilista, que realiza várias iniciativas, incluindo o fornecimento de programas de educação continuada, liderança e orientação e organização de eventos para as mulheres da área.

O CFC também prioriza a promoção de mulheres para papéis de liderança. Atualmente, existem dez presidentes femininas dos Conselhos Regionais de Contabilidade (CRCs). Existem também profissionais brasileiras fazendo história: Maria Clara Bugarim, Auditora-Geral do Estado de Alagoas, foi a primeira mulher presidente do CFC (2006-2009). Hoje ela é a primeira mulher presidente da Associação Interamericana de Contabilidade (AIC). Maria Clara é um modelo e inspiração para muitos jovens profissionais, que buscam papéis de liderança nos níveis mais altos.

Para ler o artigo da Ifac completo, clique AQUI.

CLOSE
CLOSE