Notícias

IAASB incentiva participação em consulta referente à definição de entidade de interesse público1 minuto de leitura

Por Amanda Oliveira, com informações da IFAC

Comunicação CFC

International Ethics Standards Board for Accountants (Iesba) propõe mudanças no Código Internacional de Ética para Contadores Profissionais, ampliando nas Normas Internacionais de Independência a definição de entidade de interesse público (PIE, na sigla em inglês). As revisões incluem mais categorias de entidades, tendo em vista o nível de interesse público em sua condição financeira, substituem o termo “entidade listada” como uma categoria PIE por “entidade de capital aberto” e redefine a categoria.

“O IAASB coordenou diretamente com o IESBA neste projeto, reconhecendo que as entidades de interesse público desempenham papéis cruciais nos mercados globais. A convergência entre auditoria e normas éticas, em termos e conceitos, é de interesse público e é uma das principais prioridades”, afirmou o presidente do International Auditing and Assurance Standards Board (IAASB), Tom Seidenstein.

As propostas, que podem ter implicações futuras para os padrões do IAASB, são:

  • Introdução de um objetivo abrangente para requisitos adicionais para aumentar a confiança na auditoria das demonstrações financeiras de PIEs.
  • A ampliação da definição de PIE para incluir categorias adicionais de entidades.
  • Substituir o termo “entidade listada” pelo termo “entidade de capital aberto” e redefinir essa categoria PIE.
  • Introdução de novos requisitos para que empresas divulguem publicamente se um cliente de auditoria foi tratado como PIE.

Por esse motivo, o IAASB incentiva todas as partes interessadas a participarem da consulta pública. Em março, dois webinars sobre o tema serão realizados. Os comentários sobre o Exposure Draft podem ser enviados até o dia 3 de maio de 2021, por meio do site do IESBA.

CLOSE
CLOSE