Destaques

Luto na classe contábil alagoana pelo falecimento de Paulo Braga

 

Com mais de 30 anos de experiência na contabilidade, o profissional atuou como presidente do CRCAL em duas gestões

 

Por Hannah Copertino

Ascom CRCAL

 

A classe contábil alagoana teve de dar adeus a um amigo e grande profissional, nesta semana. O contador Paulo Sérgio Braga da Rocha faleceu na última quarta-feira (14-04), por consequência de um câncer, com o qual vinha lutando nos últimos anos.

 

“É uma grande perda para a classe contábil alagoana. O Paulo era um exímio profissional, grande liderança contábil e nosso amigo. Ele lutou bravamente pela vida e partiu, deixando um legado de amor e dedicação à contabilidade. Agradecemos por toda a sua contribuição, ensinamentos e seu exemplo. Nossos sinceros sentimentos aos familiares. Pedimos a Deus que o receba com seu amor de pai”, disse o presidente do CRCAL, José Vieira dos Santos.

 

Conhecido e querido entre os profissionais, sua partida foi motivo de muitas mensagens de carinho e condolências por parte dos colegas e de instituições, como o CFC, vários CRCs, Abracicon, Sindcont, Sescap, CGE-AL, Juceal, Sebrae, MPE-AL, entre outras.

 

“Perda irreparável para a Classe Contábil alagoana e brasileira. Colega dedicado e competente, que sempre atuou com ética e profissionalismo. Muito se dedicou ao CRCAL e as entidades contábeis.  Fica o legado da sua história. Nossos sentimentos à família e aos amigos”, afirmou o presidente do CFC, Zulmir Breda.

 

“Um dia muito triste para a contabilidade alagoana e para muitos, que como eu, conhecerem, conviveram e passaram a admirar e respeitar o colega e amigo Paulo Braga. Um homem de jeito simples, honesto, leal e grato, nos deixa um legado de amor e dedicação à classe contábil. Envolvido por um enorme sentimento de tristeza e saudade, quero guardar a lembrança dos inúmeros contatos que tivemos, seja para tratar de assuntos do CRCAL ou para tantos outros descontraídos bate-papos. Rogo a Deus que o receba na morada eterna e conforte familiares e amigos”, falou Aécio Júnior,

vice-presidente de Desenvolvimento Profissional do CFC.

 

A Diretoria do Sindcont publicou: “A classe contábil alagoana agradece sua contribuição com a profissão e externa sua solidariedade e condolências aos familiares. Descanse em paz na glória de Deus”.

 

O presidente do Sescap e conselheiro do CFC, Carlos Henrique do Nascimento, compartilhou a seguinte mensagem: “O Sescap se solidariza com a dor pela perda do nosso diretor Paulo Sergio Braga da Rocha. Um profissional brilhante e dedicado, que sempre atuou em prol da valorização da contabilidade. Que Deus conforte toda a família”.

 

Em sua publicação a Juceal colocou: “Todo o corpo técnico da Juceal, na figura do presidente Carlos Araújo, presta condolências aos familiares e aos amigos, destacando o grande trabalho feito por Paulo Braga para o fortalecimento da classe contábil no Estado de Alagoas, assim como para o engrandecimento do registro e do empresariado alagoano”.

 

Foi assim, com muitas mensagens de carinho, respeito e admiração, que muitos profissionais e representantes de entidades se despediram de Paulo Braga.

 

Sobre o profissional:

 

O Contador Paulo Sergio Braga da Rocha, nasceu no dia 06 de setembro de 1955, na cidade de Maceió/AL. Filho do Senhor Igercy Marinho da Rocha e de Dona Rubenita Braga da Rocha, Paulo Braga era casado com a Dona Elba Tôledo da Rocha e, desta união, tiveram duas filhas Paula Tôledo da Rocha Ramos, que é contadora, e Karine Tôledo da Rocha Pedrosa, que seguiu a profissão de sua mãe, enfermeira. Avô de cinco netos, Deborah, Danilo, Vinicius, Pietro e Davi, Paulo Braga demonstrava muito amor pela família.

 

Formado em Ciências Contábeis pelo CESMAC, em 1980, e pós-graduado em Auditoria e Controladoria, Paulo Braga era empresário contábil e também atuou como professor de Contabilidade Geral pela Faculdade de Alagoas (FAL). Acadêmico da Alacicon, ele desempenhava as funções como vogal da Junta Comercial do Estado de Alagoas, representado o CRCAL.

 

Ingressou no CRCAL como Conselheiro no exercício de 2004. Foi reconduzido nas eleições seguintes. No período de 2008 a 2013, assumiu a vice-presidência de Registro. Em 2014, foi nomeado vice-presidente de Administração e Finanças. Em 2016, assumiu a Presidência do Conselho, cargo para o qual foi reconduzido, em 2018.

 

Durante sua gestão, o CRCAL manteve diálogo frequente e de parceria com diversas instituições, a exemplo do MPE-AL, Sefaz-AL, Semec, entre muitas outras; foi implementada a primeira turma de Mestrado em Ciências Contábeis em Alagoas; e realizada a IV Convenção Alagoana de Contabilidade, um dos maiores eventos já promovidos no estado, onde houve a primeira edição do Prêmio CRCAL de Controle Social, incentivando a produção de artigos científicos.

 

Com uma experiência de mais de 30 anos de exercício da profissão contábil, ele dizia: “O que eu sou e o que eu tenho, devo à Contabilidade, profissão que abracei por vocação”.

 

Paulo Braga partiu, mas o seu legado se eterniza não só na história da contabilidade alagoana, como também brasileira.