Artigos Tributários e Contábeis

Contabilidade: uma profissão cada vez mais promissora

Em muitas empresas, espera-se que os profissionais contábeis façam muito mais do que apenas as funções financeiras e contábeis tradicionais, especialmente no setor de serviços financeiros.

Em uma pesquisa encomendada pela empresa de recrutamento financeiro e de contabilidade, Robert Half Management Resources, exatamente sobre esse assunto, dos 1.400 CFO´s pesquisados por Robert Half, cobrindo uma ampla amostra de empresas por tamanho e indústria, a grande maioria deles espera que os contadores seniores tenham cada vez mais tempo dedicado a atividades não tradicionaiscomo planejamento estratégico e projetos de tecnologia da informação.

Podemos ver como a contabilidade está caminhando de mãos dadas com a tecnologia, um caminho que não tem mais volta. Os CFO´s pesquisados acreditam que um contador sênior gasta pouco mais que um terço de seu tempo em funções não tradicionais e projetou que esse número suba constantemente ao longo do tempo.

Os contadores devem muito mais do que simplesmente calcular números e produzir relatórios e essas expectativas por parte de seus clientes estão crescendo ao longo do tempo.

A principal lição para os contadores aqui é que o avanço da carreira no futuro próximo está fadado a depender cada vez mais da capacidade de assumir deveres e agregar valor muito além das descrições de trabalho relativamente estreitas  historicamente associadas às posições contábeis. Entender os pronunciamentos técnicos do CPC (Comitê de Pronunciamentos Contábeis) por dentro e por fora e compilar perfeitamente os números prescritos sob esses pronunciamentos não é suficiente para o contador ambicioso e ascendente nos dias de hoje.

Uma grande parte da história, não abordada diretamente pela pesquisa Robert Half, é o efeito do downsizing (redução de tamanho) corporativo nos níveis de pessoal e nas obrigações dos funcionários. À medida que mais e mais empresas adotam estruturas de gerenciamento enxuto, a multitarefa por funcionários torna-se cada vez mais importante e esperada.

Além disso, em virtude de sua consciência íntima da posição financeira de uma empresa, como os compiladores dos números, os profissionais da contabilidade são as pessoas óbvias que estão sendo avaliadas para a análise e interpretação desses mesmos números. Em suma, poucas pessoas em uma empresa estão mais bem posicionadas para desempenhar esses papéis do que os membros da equipe de contabilidade.

Finalmente, por causa da facilidade com números e atenção aos detalhes exigidos pela profissão contábil, os profissionais da contabilidade são vistos como tendo a disciplina correta da mente para lidar efetivamente com outros assuntos quantitativos, mesmo aqueles que não têm conexão direta com a contabilidade em si.

Thiago Alex Araújo Menezes

Mestrando em Contabilidade pela FUCAPE

CRC/AL 005615/O-0